segunda-feira, 10 de março de 2014

TRABALHO: É hora de trabalhar com o que você ama


O Carnaval já passou estamos quase em abril... e você ainda não está trabalhando com o que você realmente ama?

É hora de dar um basta nisso e escolher ser feliz! Do que adianta passar de segunda à sexta-feira contando as horas intermináveis no relógio, reclamando da vida, do patrão, do trabalho, do trânsito em um - mau-humor terrível - torcendo pra chegar o final de semana? 

Seja feliz todos os dias e não veja o tempo passar. Lute pelos seus sonhos. Ninguém aqui está falando que será fácil. Eu mesma demorei mais de 10 anos pra tomar coragem, chutar o pau da barraca, ou seja, pedir demissão e começar a trabalhar somente com o que eu amo. 

O que eu posso dizer depois de um ano? Fiquei super preocupada? Sim, fiquei. Senti medo de dar tudo errado? Senti pra caramba! Pensei que não teria grana para pagar as contas? Pensei, claro. Passei por perrengues? Sim e muitos... Chorei? Rios... Mas a famosa pergunta que não quer calar: "valeu a pena?" Sim, é claro que valeu! 

Atualmente, sou sócia de uma Produtora Audiovisual. Trabalho como roteirista, atriz, diretora, produtora...  Fizemos muitos trabalhos legais, estamos bem no mercado. Mas, é claro, nem tudo é um mundo lindo e saltitante... As preocupações mudaram: antes eu era a empregada, hoje tenho funcionários (pessoas que dependem de mim), aluguel, luz, contas e mais contas... concorrência, impostos surreais etc...

Ainda temos muito o que conquistar, muitos clientes, novos trabalhos, novos desafios... Mas, quer saber? Estamos motivados, pois a cada hora que nos empenhamos ou deixamos de dormir, ou viramos a noite no escritório sabemos que estamos fazendo por nós, para o nosso negócio crescer, pra gente crescer na vida pessoal e como empresárias. Confesso que ainda é estranho me apresentar como "empresária", mas aos poucos estou me acostumando.

Mas o que fazer quando não se tem o apoio da família? Não que eu não tenha, muito pelo contrário, meus pais sempre me incentivaram, não ficavam com pom poms e faixas no estilo "vai! acreditamos em você, uhuuu", mas - mesmo temendo a filha ser artista - sempre estiveram ao meu lado. Há mais de um ano tenho o amor e apoio que preciso da pessoa que mais me incentiva: o meu amor. Isso conta muito, é decisivo. 

Algumas pessoas não tem a sorte que eu tenho, pois enfrentam uma certa inveja ou - para usar uma palavra da moda - o recalque do companheiro(a) que ao invés de torcer ficam com pensamentos negativos e críticas.
Pessoas da sua família ou amigos também podem fazer pressão para você seguir o caminho que eles acham "melhor para você", daí temos médicos, advogados e artistas frustrados... Mais cedo ou mais tarde, a bomba vai estourar e causará estragos. Se acostumar (se conformar) pode ser o caminho mais fácil, porém não é o que te fará feliz. Tenha coragem!

(Alê Periard)


Curta: https://www.facebook.com/liquidificadorizando
Siga-nos! @Liqui_dorizando
Siga no Instagram: @liquidificadorizando
Acesse: http://alexandraperiard.blogspot.com.br/

Nenhum comentário: