terça-feira, 5 de maio de 2009

Solidão que nada!

"(...) Por mais paradoxal que possa parecer, a solidão é doença nativa da cidade, das grandes aglomerações humanas. Nas cidades, por ironia de Deus ou do diabo, os solitários são muitos e estão em todos os lugares. Seguem morrendo aos poucos nos bares e dentro de quartos, varando madrugadas sinistras com a ajuda da pornografia em banda larga e álcool, muito álcool. Eles estão nos cinemas, comendo pipocas sozinhos. E nos escritórios, calados e comportados atrás de seus computadores."

Do prefácio de A Cabeça é a Ilha

Retirado do site Os Malvados

2 comentários:

Dama de Cinzas disse...

Muito verdadeiro isso!

Beijocas

Luan Yannick disse...

Engraçado, eu juro que já li isso em algum lugar e não foi no prefácio desse livro... Que estranho...

De qualquer modo, é uma boa constatação. A internet coloca em contato direto alguns milhões de solitários...

"Digam o que disserem
O mal do século é a solidão
Cada um de nós imerso em sua própria arrogância
Esperando por um pouco de afeição"