sexta-feira, 29 de junho de 2007

Pessoas andam com mania de depressão

"A tristeza foi promovida a depressão. Muitos médicos, hoje em dia, confundem diagnósticos e, sem cerimônias, o paciente logo entra para a lista de clientes da farmácia. Por outro lado, a prevalência da doença vem aumentando. Multicausal, a depressão sofre a influência de fatores ambientais, como as dificuldades financeiras, os conflitos interpessoais e o estresse. Mais turbulentos e comuns nos tempos modernos, esses agentes têm grande peso no desenvolvimento da doença.

Não é qualquer pessoa que tem depressão - um dos principais problemas do humor, ao lado do transtorno bipolar e da distimia. Os fatores ambientais agem com mais peso em pessoas que apresentam predisposição ao problema, que é genético. Também não é qualquer pessoa que deve dar ao paciente a notícia de que ele tem depressão ou outro transtorno de humor. "Há uma banalização do diagnóstico de depressão e de bipolaridade. É algo complexo, que exige conhecimento de psicopatologia e só o psiquiatra está habilitado a reconhecer os transtornos mentais", diz o psiquiatra Antonio Egídio Nardi, professor da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ).

A economista Janaína Medeiros, de 25 anos, chegou a comprar o medicamento receitado pelo clínico-geral quando foi diagnosticada como depressiva. Mas, por medo de ficar viciada na substância, não iniciou o tratamento. Alguns testes depois, descobriu que estava com anemia. "A depressão, na verdade, era cansaço. Trabalhava 12 horas por dia e estava sempre ranzinza. Na verdade, sou assim", brinca a economista. "A questão foi me perguntar o quanto isso incomodava a mim e aos outros", diz Janaína."

Minha opinião:
Creio que essa reportagem é interessante pois fala da banalização da tristeza, diagnósticos errados podem prescrever remédios não necessários, que acabam prejudicando a saúde e causando dependência. É preciso rever os conceitos!

Abaixo frases interessantes de alguns membros que postaram no tópico:

"Concordo. Haveria outras formas de tratar o problema - antes de se tornar, realmente, uma depressão - que, infelizmente, talvez na pressa diária, não são exploradas."

"Essa moda da depressão existe depois que as pessoas esqueceram de ligar para os amigos e saber como estão. Ficou mais fácil ligar para o terapeuta. Problemas existem, mas muitas vezes uma palavra amiga ajuda bastante."


"E tem uma questão importante colocada: a depender da classe social, as doenças do comportamento podem ser hiperdiagnosticadas,
ou subdiagnosticadas."

" no mundo capitalista TUDO se vende , até tristeza , e olha que da lucro!"

"fora a "propaganda" que fazem sobre ser um *cult-depre*.
assim como toda cultura entra em nós quase que involuntariamente dentro do nosso meio social, essa cultura ta partindo pra criar uma nova sociedade , mais trabalhadora , mais robotizada, menos familiar , mais competitiva , enfim menos humana e mais maquina , sobreviver se tornou mais importante que viver. esse fora os avanços que "disfarçam a distancia" né? rsrsrs..
quer a sociedade devido a uma infinidade de fatores sociais vai ficar mais deprimida ,devido a cultura do individualismo , isso vai!"

"(...) existe um interesse velado por parte dos médicos para que
haja consumo de determinados remédios. Percebi isso quando comentei com o primeiro Dr. sobre a redução de medicamento , e o medico
disse que seria improvável. Esse "modismo" que envolve a depressão, muitas vezes vem acompanhado de um certo interesse por parte dos
laboratórios."
É relevante seu "depoimento" contando da sua experiência
junto ao seu pai, pois conscientiza aos demais membros
que estão ridicularizando o assunto."

"Sem falar que "ter tudo" é a maior causa de depressão em
jovens de alguns países da Europa. Sabes, por acaso, se o
pai não dá tudo para a filha porque nã olhe dá o essencial: amor?"

"Acho que tem mesmo uma glamourização da depressão.., Isso não era
normal... Mesmo com todos os fatores como vida mais urbana, mais
stress e etc."

"Tenho certeza de que há médicos sofrendo de preguiça pelo
país afora, e faz tempo. Isso leva um clínico geral a receitar
anti-depressivo para uma paciente com anemia. E há também,
os psiquiatras, extremamente cuidadosos, que receitam algumas
combinações em excesso, antevendo alguns problemas que nem
chegam a existir."

"Alguns não se atualizam e, por exemplo, poderiam trocar alguns
remédios por um mais moderno...Sabe-se lá o que se passa na cabeça
do dito cujo...O importante é não se ficar amarrado num conceito só."


Quer ler a matéria toda?
Então é só ir no site www.yahoo.com.br
ou clicar no link abaixo: http://br.noticias.yahoo.com/s/28062007/25/entretenimento-pessoas-andam-mania-depressao.html

" O Psiquiatra e escritor Peter Kramer...
...já vem alertando à todos sobre a glamourização que se vem fazendo com a depressão e descreveu isso no livro "Enfrentando a depressão".

Eis aqui um artigo com ele publicado na revista Veja em março desse ano:

http://www.adur-rj.org.br/5com/pop-up/quem_e_normal.htm#peter


É uma doença genética, causada pela falta de produção de algumas químicas que mantém o cérebro efetuando as sinapses. Para quem quiser estudar sobre o assunto http://drauziovarella.ig.com.br/.

Quer participar de nosso debates?
Liquidificadorizando: http://www.orkut.com/Community.aspx?cmm=29817258

Comente e deBATA no Liquidificador!!!!

Um comentário:

Pablo disse...

Comentei este tópico na comu no Orkut...depois da uma olhada.
Também coloquei o link desse blog no meu!

beijos!!!